Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Você está aqui: Página Inicial Área Nacional Notícias Destaques Receita Federal divulga orientações para adesão ao Programa de Regularização Tributária
Contador acessos

Data: 13/02/2017 Atualizado em: 13/02/2017 | 10:30

Receita Federal divulga orientações para adesão ao Programa de Regularização Tributária

Foi publicado no sítio da RFB um documento contendo informações básicas ao contribuinte, bem como um passo a passo com o roteiro para a adesão.

Receita Federal divulga orientações para adesão ao Programa de Regularização Tributária

Receita Federal do Brasil

Com o intuito de facilitar a compreensão das regras do Programa, foi publicado no sítio da Receita Federal do Brasil, na internet, documento contendo informações básicas ao contribuinte, bem como um passo a passo com o roteiro para a adesão.

A Instrução Normativa RFB nº 1687, de 31 de janeiro de 2017, regulamentou a adesão do contribuinte ao Programa de Regularização Tributária, cujo prazo vai de 1º de fevereiro até o dia 31 de maio de 2017.

Os débitos que poderão ser liquidados, as modalidades de liquidação dos débitos, a forma de apresentação de sua opção, a possibilidade de desistência de parcelamentos anteriores em curso, bem como a possibilidade de utilização de créditos tributários estão previstos na IN RFB nº 1.687/2017.

A opção pelo Programa ocorrerá exclusivamente no Ambiente Virtual (e-CAC), mediante requerimentos distintos para os débitos decorrentes das contribuições sociais e para os demais débitos administrados pela Secretaria da Receita Federal do Brasil.

Para os contribuintes que optarem pelo Programa de Regularização Tributária, a emissão de certidão deverá ser requerida em uma Unidade de Atendimento da Receita Federal, onde deverão ser apresentados o recibo da adesão ao programa, um demonstrativo da consolidação dos débitos incluídos no Programa e os documentos utilizados na análise para liberação da certidão.

Clique aqui para acessar a Instrução Normativa , de 31 de janeiro de 2017.

Fonte: Receita Federal - 13/2/2017

Ações do documento